ROTEIRO #1 – CABANAS DE VIRIATO – BEIRA ALTA

Entre a Serra do Caramulo e a Serra da Estrela encontra-se a terra onde o notável Aristides de Sousa Mendes [clique AQUI para visitar o museu virtual ou AQUI para conhecer a fundação com o nome do próprio] nasceu e edificou a sua casa, mais conhecida como “Casa do Passal”. É um edifício imponente envolto em controvérsia, que já conheceu um sem fim de projectos, mas que infelizmente se continua a degradar a cada dia…

É aqui também que que tenho as minhas raízes, a minha família e claro… onde o meu coração se sente mais próximo de casa.

E a vida cosmopolita e muitas vezes demasiado desassossegada das metrópoles contrasta com a realidade do interior do país, onde, como aqui, ainda “há tempo para tudo”. Para além do litoral (que é lindíssimo no nosso país) há também um sem fim de outros lugares belos, culturalmente e historicamente ricos, interessantes e onde se pode passar umas belas férias em família.

Claro que para quem está acostumado a grandes cidades e a ter tudo ao virar da esquina, pode tornar-se uma logística um pouco complicada de entender. Aqui ainda passa diariamente a carrinha do pão e em dias certos a do peixe, fazendo-se ouvir com buzinas estridentes. Para comprar a vogue, tive de percorrer 10Km até ao Pingo Doce de Carregal do Sal. Mas o certo é que quando o progresso excessivo por aqui passar e deixar as suas marcas, esta terra nunca mais terá o mesmo charme…

 

Sabem UltraFemininas, aqui é um lugar mágico. O granito robusto recorda-nos da nossa própria força e da nossa própria solidez. A visão da montanha mesmo da minha janela [refiro-me à Serra da Estrela] relembra-me sempre da perseverança e do quão (espiritualmente) enormes nós podemos ser. Gosto muito daqui!

Para além da Serra da Estrela e do Caramulo, mesmo aqui ao lado, podemos ainda conhecer o Percurso Patrimonial das Cimalhinhas. Um roteiro pedonal muitíssimo interessante.

 

 

 

Por isso desta vez e como sugestão de primeiro roteiro resolvi partilhar convosco esta minha terra: Cabanas de Viriato.

O alojamento mais próximo infelizmente ainda tem de ser no meio urbano mais próximo, em Carregal do Sal, mas todos os locais que vos irei relatar se encontram a uma curta distância de carro. Transportes públicos por estas bandas… enfim… é melhor nem falar nisso! 😉

Pois bem, passa então a enumerar-se os locais que escolhemos para incluir neste roteiro de Verão:

1- Praia Fluvial do Rio Mondego – Srª da Ribeira (paria criada a partir da Barragem da Aguieira)

2- Terra natal de António de Oliveira Salazar, no Vimieiro, Santa Comba Dão.

4- Rio Dão, zona do Granjal em Santa Comba dão

3- Praia Fluvial e Caldas / Termas de Sangemil em Sangemil

4- Feira dos vinhos do Dão ( tema a ser desenvolvido num artigo específico)

SRª DA RIBEIRA – PRAIA FLUVIAL DO RIO MONDEGO

Onde se pode passar uma tarde divertida com a família igual à que eu passei. A paisagem é divinal e pode fazer-se um passeio de gaivota com os miúdos ( 1 hora custa 5 euros e podem ir 2 adultos e 1 ou 2 crianças). Uma delícia! A comunhão com a natureza e o ar forte das árvores que circundam toda a área faz-nos sair dali completamente renovados. Existem ainda bares de auxilio às praias onde se pode tomar um refresco, comer um gelado, beber um sumo natural ou comer uma refeição ligeira. Nós fomos em família com os pequenos, os amigos dos pequenos e um casal de primos. Recomenda-se, porém muita cautela com as crianças, pois as águas atingem grandes profundidades.

TERRA NATAL DE SALAZAR + RIO DÃO

Por estas terras a proximidade com o Rio Dão e o Rio Mondego fazem atenuar a “ressaca” daqueles que estão acostumados a férias mais para o litoral ou até mesmo daqueles que moram perto do mar (como é o meu caso). Ambos os rios nascem na Serra da Estrela e por onde vão passando enchem as paisagens de um verde possante e reluzente.

Por outro lado e numa vertente mais cultural e histórica e menos lúdica visitámos a casa onde nasceu António de Oliveira Salazar. Um casebre bastante mais modesto do que imaginava, embora já soubesse que ele tinha origens humildes.

A casa está francamente degradada e diz-se até que estará à venda, em frente da mesma há um pequeno terreno (pequeno mesmo) onde segundo os habitantes locais esteve para ser erguido um busto do ditador… no entanto, e ainda segundo as mesmas fontes alguns populares e associações mostraram-se desagradados com a ideia, que acabou por não se concretizar.

Terminada esta visita, fomos directos a um final de tarde passado num restaurante / esplanada com vista panorâmica sobre o Rio Dão.

CALDAS / TERMAS + PRAIA FLUVIAL DE SANGEMIL

Desde o primeiro momento deste artigo que quero incluir as águas termais que fazem parte desta zona e das quais ouço falar desde pequena. Ficámos por Sangemil (ou S. Gemil),porém, num raio de 20Km do nosso destino original (Cabanas de Viriato) podem encontrar-se as Termas de Felgueiras e ainda as de Alcafache ou S. Pedro do Sul, por exemplo.

Quase toda a área da praia de Sangemil foi restaurada e melhorada. Confesso que fiquei muito bem impressionada com o que encontrei e que é tão diferente da última vez que ali tinha ido.

Foi colocada areia de rio em toda a área circundante e colocados equipamentos infantis e juvenis como balizas, redes de voleiball, baloiços e escorregas. O ideal mais uma vez para estar com os mais novos. O caudal do Rio Dão nesta zona é estreito e nada profundo, bem como a corrente é habitualmente  fraca. Junto dos poços de exploração “comercial” das termas existem duas pequenas bacias abertas para uso público com a mesma água e os seus benefícios.

—————————————————————————

Agradecimentos:

Cabanas de Viriato Notícias, na pessoa de João Pedro Tavares, na legenda das fotos “João Tavares”

Mais informações sobre Cabanas de Viriato:

Site Carregal – Digital

Artigo por:

equipa UltraFeminina– equipa.ultrafeminina@gmail.com

—————————————————————————

DSC_0186(2)

Fotografia gentilmente cedida por João Pedro Tavares – Cabanas de Viriato Notícias

Até já Estrela… eu volto quando te cobrires de branco, adornada como só tu sabes ser, para rigozijo dos olhos desta tua enteada que deixa em ti sempre parte do seu coração!


ultrafeminina.pt é mais que um endereço, é o nome da sua nova amiga, da sua nova atitude e do seu novo refugio secreto. Porque ser feminina não basta... é preciso ser ultra feminina!